Páginas

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Os Três Filtros

Pai e Filho, na tentativa de purificar a água que utilizavam em casa, resolveram limpar o filtro que estava na cozinha. Enquanto limpava, o pai passou a explicar ao filho a importância de filtrar a água antes de bebê-la. Terminada a limpeza, fizeram o teste e o pai comentou:

“-Veja como a água está limpa! Todas as impurezas ficam nos filtros. O sujo que consegue passar por um, fica no outro ou no outro e  resultado final é maravilhoso.”

mae-e-filho1

A mãe, ouvindo o cometário do esposo, aproveitou a oportunidade e disse:”- Há também, três filtros que podemos construir dentro de nós, e são aquilo que de mais precioso alguém pode ter, ao pensar que está ajudando ou prejudicando alguém. E não precisa ser de carvão. São filtros da VERDADE, da BONDADE, e da UTILIDADE. Assim como você, meu filho, viu o resultado do uso do filtro de carvão, um dia vou lhe mostrar o que acontece quando utilizamos esses outros filtros que carregamos dentro de nós.”

Passado algum tempo, o menino voltou da escola e veio comentar com a mãe um fato, num tom sensacionalista: “-Mãe, sabe o que me disseram da família do Nelsinho?!”

-Bem meu filho, chegou a hora de usar três filtros internos de que lhe falei aquele dia. Comecemos com o filtro da VERDADE: você tem certeza de que o que vai me contar é verdade?”

- Bem… não sei não… só estou repetindo o que disseram.”

- Pois bem, vamos agora passar pelo filtro da BONDADE (ou amor): se isso que estão falando fosse algo acerca da nossa familia, você gostaria que fosse espalhado, contado?”

“- Ah! Não! Se fosse com a nossa familia, de jeito nenhum.”

- Finalmente, usemos o filtro da UTILIDADE (ou necessidade): você acha útil e necessário passar esta notícia adiante?”

Fonte: Histórias e Fábulas

13 comentários:

Rosana Madjarof disse...

Valéria,

Apesar de já conhecer esse texto, achei maravilhosa a sua postagem, pois esse texto é muito significativo.

Devemos utilizar esses 3 filtros sempre, mesmo que às vezes seja difícil...

Adorei!

Bjs.

Ro.

Geraldo disse...

Olá Valeria,

O texto é muito adequado, nos leva a refletir sobre nossas atitudes...

Abraço

Madresgate disse...

Valéria

Sua postagem foi espetacular

Bom seria que todos os seres humanos tivessem o bom senso e principalmente os "Tres Filtros" no momento de se relacionarem em sociedade.
Nada mais belo do que ouvir, pensar e poder falar com simplicidade mas com maturidade.
As palavras desta jovem mãe nos faz refletir principalmente em atos e palavras, para que amanhã não sejamos as vítimas de nossas próprias mensagens.

Adorei

Um forte abraço
Mad

deste-mundo-e-de-outros disse...

Olá Valéria!

Linda história! São esses três filtros que as pessoas insistem em não usar diariamente, contribuindo para a desarmonia na rua onde moram, que, num "efeito borboleta" atinge o mundo inteiro.

Beijinhos
Luísa

Mr.Jones disse...

Pois é, o que adiantará ser bonzinho, falar a verdade sempre e nao ser útil pra nada né?

bjao

Principe Encantado disse...

Seu texto está ótimo e pontual, parabéns amiga por esta postagem.
Abraços forte

lison disse...

QUE POST FANTÁSTICO!
AMIGA VALÉRIA, esses três filtros são indispensáveis para a construção de um mundo muito melhor... parabéns por mais uma mensagem de grande relevância!
Abraços fraternos,
LISON.

JORNALISMO ANTENADO disse...

Concordo com o Lison minha amiga, que post fantástico....!
Se as pessoas aprendessem a utilizar melhor esses três filtros a vida em sociedade seria mais tranquila e feliz.
Beijos no coração.
Márcia Canêdo

Pr. Moisés Carneiro disse...

Ótimo post, que história empolgante... Já havia lido, mas sempre que leio sou surpreendido pela serenidade com que nos toca.
Excelente. Parabéns
Abçs!!!!

Joselito disse...

Ta certissima ... mas, tem hora que dá uma preguiça filtrar tanta coisas ... rsrsr

joana disse...

Valeria
São tres filtros importantes no nosso dia a dia.
bjs
joana

Hubner Braz disse...

Otimo texto, me lembra das aulas de filosofia que frequentava no ensino médio. O Profº comentava todo o bimestre sobre Socrates e as três peineiras.

Parabéns, mais um lindo post.

Bjss

Hubner Braz

Leila disse...

Oi Valéria,

Tenho um livro que fala sobre isso. Se entreter falando da vida dos outros, sem um objetivo claro, o simples falar por falar atrai energias negativas. Perde-se o foco da própria vida. Por isso que no meu blog só conto as minhas histórias e tenho cuidado quando falo de outras pessoas. Só menciono mesmo quando conheço bem a pessoa e tenho certeza que elas não iriam se importar, como meu amigo ciumento...rsrsrsrs