Páginas

terça-feira, 18 de maio de 2010

Cantar de um amor

Assim, aos poucos, vai sendo levada a tua Amiga, a tua Amada!
E assim de longe ouvirás a contiga da tua Amada, da tua Amiga.
Abrem-se os olhos – e é de sombra a estrada, para chegar-se à Amiga, à Amada!

Fecham-se os olhos – e eis a estrada antiga, a que levaria à Amada, à Amiga.
Se me encontrares novamente, nada te faça esquecer a Amiga, a Amada!
Se te encontrar, pode ser que eu consiga ser para sempre a Amiga, a Amada!

adoro voar

 

 

E, assim, aos poucos, vai sendo levada a tua Amiga, a tua Amada!
E, talvez, apenas uma estrelinha siga a tua Amada, a tua amiga.

Para muito longe vai sendo levada, desfigurada e transfigurada, sem que
ela mesma já não consiga dizer que era a tua profunda Amiga, sem que possa ouvir o que tua alma brada: que era a tua Amiga e que era a tua Amada.

Ah! Do que se disse nada mais se diga! Vai-se tua Amada, vai se a tua Amiga!

Ah! Do que era tanto, não resta mais nada… Mas houve essa Amiga, mas houve essa Amada!

Cecília Meireles

11 comentários:

Mad Resgate disse...

Valeria

Belíssimo texto de Cecília Meirelles
Valeu pela escolha e divulgação
Um forte abraço
Mad

Mr.Jones disse...

Nossa, eu nunca tinha lido esse da Cecilia.
algo se comparou a esse poema?

Francisco Castro disse...

Olá!

São decisões desse tipo que podem levar para se ter uma vida mais bem vivida e muito mais comptartilhada com o sucesso e o bem estar.

Abraços

Francisco Castro

Joselito disse...

Amiga - amadada - amiga - amante. as vezes não dá para perder uma só.

Josy Nunes disse...

Oi,
Valéria,
amiga,
não conhecia esse texto, e olha que a Cecília e a Clarice são minhas preferidas e quando a gente acha que já viu e leu tudo, eis que surge sabe-se lá de onde um texto maravilhoso que neste momento apresenta-se como inédito. Obrigada por dividi-lo.
Acho que esse seu amigo é um cara de muita sorte.
Beijão no seu coração e fica com Deus

Leila disse...

Muito lindo isso... já me senti assim.

Geraldo disse...

Olá Valéria,

Lindo texto Amiga, a Amada...

Abraço

Gookz disse...

amiga amada
amada amiga
uma dupla que combina muito bem

Jackie Freitas disse...

Valéria, minha amiga!
Que coisa linda!!! Cecília Meireles tem uns encantos que poderiam ser cantos, não é?
Você tem uma sensibilidade tão apurada que, até na seleção de uma leitura como essa, nos mostra como seu coração é cheio de amor! Talento se nota até nessa sua indicação espetacular!
Grande beijo, querido! Fique com Deus e esse coração cheio de amor!
Jackie

Tahiana Andrade disse...

Cecília Meireles sempre foi uma escritora incrível. O primeiro poema que li inteiro quando me alfabetizei foi escrito por ela.
Bela escolha.


Beijos
Passa lá no Idiotizando.

lison disse...

QUE POST FANTÁSTICO!
AMIGA VALÉRIA
Uma Poesia absolutamente, magistral!
Parabéns por mais um lindo post!
Abraços fraternos,
LISON.