Páginas

terça-feira, 19 de junho de 2012

Aos que vierem


A todos que aqui vierem...
Gostaria que se sentissem alegres e que todas as desavenças neste momento fossem repensadas,
Que todas as palavras tristes fossem guardadas,
E que todas as recriminações fossem silenciadas!
A todos que aqui vierem...
Gostaria que olhassem ao redor e vissem a beleza da diversidade,
A beleza da imaturidade e consequente crescimento,
E  que assim os olhos enxergassem muitos gritos de socorro ao seu redor!
A todos que aqui vierem...
Gostaria que brindassem o nascer do dia,
Silenciassem com seu ocaso se entregando a escuridão da noite,
E sonhassem os sonhos dos justos, dos vitoriosos, dos poetas e dos corajosos.
A todos que aqui vierem...
Gostaria que pudessem fazer um brinde ao amor,
Que recebe várias denominações, como amigos, filhos, pai, mãe, o próximo!
A todos que aqui vierem...
Abram um sorriso e sintam que a vida é plena e que vale a pena,
E que as rusgas, os problemas, são apenas parte do aprendizado de viver!
A todos que aqui vierem...
Desejo que a vida lhes dê em dobro tudo aquilo que derem a ela!
Valéria Braz

17 comentários:

Van disse...

Oi Valéria,

abri um sorriso. A vida é mesmo plena e valer a pena, mas pede bons olhos, bos disposição. A vida tem a cor que nós damos a ela.

Um poema motivação, lindo como você e este seu jeito doce de viver.

A vida é bela para os que possuem belo olhar.

Beijos

gisele disse...

Va minha amiga,
Que todos que aqui vierem sintam a emoção, a alegria e o amor ao ler este lindo poema assim como eu consegui sentir.
Bjsss com carinho amiga.

Dani Sans disse...

Uma das partes escritas que me chamou atenção foi isso, prestar atenção, enxergar os muitos gritos ao redor, num mundo individualista nosso, isso está ficando escasso.
E penso que enumera todas as ouras coisas ditas por você. Brilhante, beijos Valéria

Mary Miranda disse...

Flor Val, que inspiração!!!!

Que maravilha qeue você tenha partilhado conosco essa ode à vida, ao otimismo!
Penso que a vida é uma sucessão de momentos que se entrelaçam logo à frente! Se sentimos dor ou alegria, os bons sentimentos devem permanecer intactos, virginais de alma, latentes de poder de transformação!
Um brinde é sempre um convite ao meu ver, Val, e não privaria meu comentário com a parte que mais "brindou" meus sentimentos: "(...)Gostaria que brindassem o nascer do dia/ Silenciassem com seu ocaso se entregando a escuridão da noite/,
E sonhassem os sonhos dos justos, dos vitoriosos, dos poetas e dos corajosos."
Lindo demais!!!!

Beijos pra você, minha querida amiga, estou sempre por perto, mesmo que em pensamentos!

Mary:)

Cecilia sfalsin disse...

"Gostaria que brindassem o nascer do dia,
Silenciassem com seu ocaso se entregando a escuridão da noite,
E sonhassem os sonhos dos justos, dos vitoriosos, dos poetas e dos corajosos.

Valéria, precisamos tanto nos permitir sonhar, nem que seja por hoje, por uma noite , por um momento, mas nos permitir sonhar o sonhos daqueles que realmente se realizaram e fizeram de sua realizações história de vida, "justos, vitoriosos, poetas e corajosos"..

Lindo e verdadeiro o que escreveste...e olha com muito perfume...

Beijos

Josy Nunes disse...

Oi,
Valéria,
Vir já um excelente começo. Estava com saudades dos seus textos. Parabéns muito bom.
Beijão no seu coração,fica com Deus

Alba Simões disse...

Querida Valéria
Um poema que celebra toda beleza do ser e a grandeza da vida!
Um beijo com carinho,minha amiga e grande poetisa!

Alba Simões disse...

Querida Valéria
Um poema que celebra toda beleza do ser e a grandeza da vida!
Um beijo com carinho,minha amiga e grande poetisa!

Ebrael Shaddai disse...

A todos que vierem, que seus desejos sejam congruentes com os teus! Para que caminhem junto com você!

Bjss!

Luísa L. disse...

E para ti, Valéria, desejo que a sensatez e o equilíbrio nunca te abandonem, pois é a sensibilidade e inteligência que te diferencia.

Beijos!

Vanda disse...

passei pra deixar um beijinho =))

Sérgio Santos disse...

Oi Valéria. A você... Gostaria que fosse sempre feliz e continuasse a ser essa pessoa que você é. Adorei as mensagens. Há tempos que não postava. bjs

Bia Hain disse...

Oi, Valéria! Que lindas palavras. Desejo que você tenha tudo de bom que foi escrito nesse poema e muito mais, e que Deus conserve sua sensibilidade. Um abraço!

Valéria Mello disse...

Então Tim-Tim! Porque é um prazer bebericar desta fonte de boas palavras, boas energias e sentimentos doces! Saúde, querida Xará e Chará!! rsrsr

Samanta Sammy disse...

Olááá Valéria querida !!! :D

Que texto lindo !!! Adorei começar minhas leituras hoje desta forma suave, bonita e construtiva !
Suas palavras nos envolvem e inspiram, e ao terminar de ler me invadiu um delicioso bem estar !
Eu que aqui vim, segui suas dicas, olehi ao meu redor com alegria, agradeci em meu íntimo a benção de mais um dia em um lar de paz, fiquei feliz em ter a oportunidade de visitar os amigos, de ler algo tão doce e sincero !
Creio que conseguiu seu objetivo e nos contagiou com seus desejos verdadeiros e cheios de ternura, obrigado, amiga !

Um enorme beijo e que seu Domingo seja lindo, como este sentimento que compartilhou conosco :)

JOBENIA MARINA disse...

Olá sorriso ,
Aconchegante teu espaço .

Viver é a coisa mais rara do mundo. A maioria das pessoas apenas existe.

beijãooo

Josy Nunes disse...

Oi,
Valéria,
bom dia minha querida. Passando para avisar que te convidei a responder o Meme Cheiros.
Beijão no seu coração, bom inicio de semana e fica com Deus.